Posts from "January, 2014"

Como se celebrou a Festa do Panelo

Panelo - Chão da Ribeira

A festa do Panelo se realizou no dia 26 de Janeiro no Chão da Ribeira, Seixal. A festa começou primeiro pelas pessoas que habitavam no Seixal que tinham uma palheiro no Chão da Ribeira, mas depois começou a se tornar uma festa Regional, mas apesar da evolução a festa continua a ser organizada somente pelo povo. Nem o tempo estragou a festa, recebe, todos os anos, milhares de pessoas para o tradicional cozido feito à base de carnes, enchidos, “semilha”, batata-doce, couves, etc. Tudo é preparado em fogareiros a lenha junto aos conhecidos “palheiros”. Familiares e amigos juntam-se numa espécie de arraial. Nesta festa que se realiza sempre no terceiro domingo de Janeiro cada um traz o que pode e é claro que não pode faltar o bom vinho regional para animar a festa. E assim celebrou-se mais uma festa do Panelo..

Destination Madeira launches new digital information média

The Madeira Tourism recently launched some online leaflets, through which the Internet user has access to informational and promotional content Destination Madeira, especially on Walking, shortbreaks and Gardens.
These new media are published in electronic format in Portuguese, English, Spanish, French and German languages??, and may be consulted in the publishing and document sharing platform: issuu

Here, you can also find other brochures, leaflets, guides and supports the tourist information as well as access various links and media content immediately and without charge.
By opting for this method of consultation, will also contribute to environmental protection due to reduced paper consumption.

Jovens combatem desemprego com compotas

Na Madeira, quatro jovens decidiram criar uma empresa de produção de compotas e polpas para combater o desemprego. “Alves de Barros” nasceu em 2012 pelas mãos das irmãs Margarida, Carlota e Joana Alves de Barros e do tio, Filipe Alves. A empresa familiar dedica-se à produção, transformação e comercialização de produtos de origem madeirense, a sua confeção é feita apenas com fruta da ilha, a partir de receitas familiares, os quatro jovens decidiram aproveitar as receitas familiares que não estavam a ser aproveitadas. O objetivo desta é promover a “identidade da ilha na diversidade dos doces e de outros produtos derivados de frutas cultivadas na Madeira”. A empresa estabeleceu como meta a exportação dos seus produtos para a Europa através da sua loja on-line, a “Mercearia do Santo”.

images